Agritrop
Home

Gestão social de aguas: Análise comparativa entre a experiência do Pólo Sindical da Borborema (PB) e Associação do Centro de Educação Sindical (PR) : Projeto de pesquisa IPODE: "Sementes e brotos" da transição. Inovação poder e desenvolvimento em areas rurais do Brasil

Schneider Sergio, Perondi Miguel Angelo, Duqué Ghislaine, Piraux Marc, Kiyota Norma, Diniz Paulo Cesar Oliveira, Nunes Sidemar Presotto. 2010. Gestão social de aguas: Análise comparativa entre a experiência do Pólo Sindical da Borborema (PB) e Associação do Centro de Educação Sindical (PR) : Projeto de pesquisa IPODE: "Sementes e brotos" da transição. Inovação poder e desenvolvimento em areas rurais do Brasil. Porto Alegre : Universidad Federal do Rio Grande do Sul, 29 p.

Technical and research document
[img] Published version - Portugais
Use under authorization by the author or CIRAD.
document_557415.pdf

Télécharger (964kB)

Abstract : As duas experiências decorrem da dificuldade das famílias no acesso à água em condições adequadas para o consumo. No Nordeste a dificuldade de acesso à água se evidencia nas estiagens quando as famílias recorrem aos açudes e barreiros para apanhar água diariamente. Um trabalho, geralmente feito pelas mulheres, que buscam água com baldes, várias vezes ao dia, despendendo tempo para obter uma água de baixa qualidade. Quando a estiagem se prolonga e os barreiros e açudes secam, a estiagem se transforma numa "seca". A situação de "calamidade pública" é declarada e as autoridades organizam a distribuição de água por carro-pipa para os "flagelados da seca". Então, formam-se filas de mulheres com seus baldes na beira da estrada, esperando pela distribuição de uma água. Essa política assistencialista e secular alimenta o clientelismo, preservando o poder dos "coronéis". E no Agreste, apesar de ser uma região com melhores chuvas que o Sertão da Paraíba, no período de seca a água também se torna escassa devido à maior pressão demográfica e ao menor tamanho das propriedades. Assim, como a população estava cansada de uma situação que se prolongava de seca em seca, à qual o governo respondia com medidas de caráter emergencial de "combate à seca", os agricultores organizados passaram a contestá-las com um novo paradigma de "conviver com o semi-árido" numa Articulação no Semiárido Brasileiro - ASA -a qual inclui o movimento dos sindicatos e entidades que integram o Pólo Sindical de Borborema.

Mots-clés Agrovoc : Gestion des eaux, Famille, Sociologie

Mots-clés géographiques Agrovoc : Brésil

Classification Agris : P10 - Water resources and management

Axe stratégique Cirad : Axe 6 (2005-2013) - Agriculture, environnement, nature et sociétés

Editeurs scientifiques et affiliations

  • Schneider Sergio, UFRGS (BRA)

Auteurs et affiliations

  • Perondi Miguel Angelo, UFPR (BRA)
  • Duqué Ghislaine, UFCG (BRA)
  • Piraux Marc, CIRAD-ES-UMR TETIS (BRA)
  • Kiyota Norma, IAPAR (BRA)
  • Diniz Paulo Cesar Oliveira, Universidade Federal Rural de Pernambuco (BRA)
  • Nunes Sidemar Presotto, UFPR (BRA)

Autres liens de la publication

Source : Cirad - Agritrop (https://agritrop.cirad.fr/557415/)

View Item (staff only) View Item (staff only)

[ Page générée et mise en cache le 2019-10-05 ]